... Para Cláudio não havia muitos problemas e ele ainda a via como uma pessoa que lhe ajudou muito em Paris. Já Carol andava um pouco desconfiada e temia ter confiado tantas coisas a Ana.

O período curto de três meses e todos os momentos marcantes causavam a sensação de que o tempo estava passando rápido demais para Carol e Cláudio. Ultimamente os dois estavam sempre dispensando e evitando qualquer tipo de pensamento que os dispersassem da cidade. Queriam aproveitar ao máximo tudo que estava pra acontecer. Faltavam três semanas para a partida, e o lado positivo era que a despedida de Paris significava o reencontro com uma cidade tão maravilhosa quanto a que estavam.
Ana andava um pouco diferente. O seu velho hábito de mudar suas atitudes repentinamente se repetia. Ela sabia que já não havia mais como adiar e não adiantava mais prorrogar sua decisão. Continuar com aquela situação indefinida à incomodava cada vez mais. Esse foi o segundo motivo que a fez diminuir suas insinuações a Cláudio. O primeiro foi ter percebido que a indiferença dele não continuava a mesma. Sem dúvida ela era uma mulher muito atraente e sabia que atração e traição estão diretamente relacionados. O aumento da atração entre eles, aumentava as chances de traição de Cláudio. Porém, essa estória estaria em segundo plano até ela ter uma conversa final com Luís.
Tudo estava ficando cada vez mais claro para Ana e a cada vez que ela se imaginava longe de Luís vinha a sua cabeça a possibilidade de voltar a ter sua família por perto.

Download da estória até esse ponto

6 comentários:

.raphael. disse...

é!... vc tocou num ponto que eu sempre falo que a mulher é muito mais persuasiva com relação a traição! A mulher tem atração, o mistrério de seduzir!

Mas legal ela conversar com o Luís antes!

Abraço!

Si disse...

Enfim, uma atitude coerente da Ana. Mas confesso que estou torcendo para o Cláudio não cair em tentação (apesar de achar que esse post deixou a Ana mais humana).

Qando li o comentário do Raphael, discordei de imediato. Mas, pensando bem, ele tem razão. A mulher consegue convencer muito bem os que estão na corda bamba. hehehe

Ah! Seu poema ficou lindo no meu blog, né?

Bom final de semana.

Beijosss.

Robertinho disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Robertinho disse...

Hahaha! Com certeza! To com o Raphael e vou causar nos comentários tb, hehehe...

Como diz minha namorada, o homem pode ser a cabeça, mas a mulher é o pescoço, hehehe... ela tem um maior poder de persuasão.

Mas até aí tudo bem. O grande problema da Ana é que, aparentemente, ela tá fazendo isso por ciúmes, e não pq gosta do Cláudio. Pelo menos essa é a impressão que eu tive até agora.

Grande Lééééoo! Conquistando fãs pelo país inteiro!

Grande abraço!

Ricardo Guedes disse...

bom, enfim, uma atitude sensata da Ana.. o MINIMO q ela podia fazer, depois de tanto tempo, eh dar uma resposta ao pedido de casamento do Luis ne.. coitado do kra... afinal, o pedido foi de casamento e nao de uma coisa simples, pra esperar tanto tempo assim...

Acho q o Claudio nao vai trair a Carol nao.. pelo menos nao depois de terem passado por problemas e se acertado...

abs!

Robertinho disse...

Pô, não que eu tenha experiência em pedir alguém em casamento, mas acho 3 meses pra responder é muita coisa. Se ela quer, é sim; se ela não sabe, bom... já abala demais a relação, 3 meses depois do pedido acho q durou até demais. Mesmo que ela fale "sim" agora, não vai ser a mesma coisa...

E quanto ao Cláudio, nunca se sabe... ainda mais com essa Ana do jeito que ela é... vai tentar deixar ele sem saída! Ou seja, além de balançar o relacionamento com o Lúis, ainda vai conseguir estragar com a Carol tb...