Um dos melhores textos que já li.

Acabei de dar um tiro em minha cabeça
Na ilusão de que a culpada fosse a razão.
Que tola atitude minha!
Em pensar que este pesar acabaria
Em dois segundos de explosão...
Agora soube eu que é tarde,
Pois perdi completamente a racionalidade,
E fadada a sentir-me metade,
Comprovo meu simples erro vão:
A direção do tiro, inocente, eu errei;
Tinha de ser no coração.

Autora: Patrícia Lage
Blog: Exercício Lírico

Download do conto: "Sobre Viver"

CENA 1:

Espero um dia te ver jogar fora as flores mortas que guardei pra ti. Construo cenas de vida ou morte pra não manter viva as lembranças que tenho de nós dois.

CONTEXTO: Introdutório

----------------------------------------------------------------------------------

CENA 2:

O lado mais sombrio do que sinto por você, é agora o que mais se aproxima de uma luz no fim do túnel. Já quase não me lembro da sua luz que antes não tinha fim.

CONTEXTO: Dramático

----------------------------------------------------------------------------------

CENA 3:

Ainda me lembro da época em que você se propôs a pagar o meu preço, talvez por
isso, prostituo-me tentando te ter de volta a qualquer custo.

CONTEXTO: Irônico

----------------------------------------------------------------------------------

CENA 4:

Talvez esse texto não esteja a sua altura, mas jogando-o a seus pés certamente conseguirei eleva-lo ao seu nível.

CONTEXTO: Metalinguístico

----------------------------------------------------------------------------------

CENA 5:

Se a esperança é mesmo a última que morre, quero te encontrar linda, vestida de preto, pra que juntos a enterremos junto com tudo o que existiu entre nós.

CONTEXTO: Conclusório

----------------------------------------------------------------------------------

Estréia prevista ainda para este ano.

Download do conto: "Sobre Viver"