Por algum tempo eu cheguei a acreditar que o ódio poderia superar o amor. Neste tempo, o que eu mais via nas ruas eram demonstrações de raiva, rancor e outros sentimentos negativos. Comecei a me perguntar onde estava o amor e porque parecia ser muito mais fácil encontrar uma demonstração de ódio no meu dia a dia?

Depois de alguns meses percebí que na verdade todos esses sentimento negativos são perecíveis. O ódio, a mágoa e o rancor não resistem a distância e nem ao tempo. Por isso que as pessoas se reconciliam e conseguem se perdoar. Já o amor não. O amor perdura. Você pode estar a quilômetros de distância ou há anos sem ter contato com quem ama, que o seu amor não vai acabar. Por isso que jamais nos esquecemos daquele amigo de infância ou daquela namoradinha dos tempos de escola. Portanto meus amigos, sugiro a vocês que façam tudo com muito amor, pois esta é a melhor forma de sempre ser lembrado e de guardar boas lembranças do que viveu!

0 comentários: